Estes são espectaculares!

Confere este timelapse magnífico em 4K da bela cidade do Porto
Confere este timelapse magnífico em 4K da bela cidade do Porto


Anuncio Nike em Lisboa
Anuncio Nike em Lisboa


Kanye West é humilhado por Freddie Mercury a cantar Bohemian Rhapsody
Kanye West é humilhado por Freddie Mercury a cantar Bohemian Rhapsody


Cachorrinho mostra toda a sua gratidão após ter sido salvo
Cachorrinho mostra toda a sua gratidão após ter sido salvo


Pai e mãe dão um beijo: o seu filho bebé fica com ciúmes
Pai e mãe dão um beijo: o seu filho bebé fica com ciúmes


 

 
 

Se quisessem, as aranhas podiam comer a humanidade num ano

Dois cientistas europeus decidiram investigar qual a quantidade de presas que a população mundial de aranhas consome anualmente e chegou a uma conclusão inquietante para quem sofre de aracnofobia: em teoria, todas as pessoas do mundo não chegavam para alimentar os aracnídeos durante um ano.

Se as aranhas mais comuns que nos habituamos a encontrar no dia a dia consomem maioritariamente insetos, as espécies de maior porte podem alimentar-se de lagartos, aves ou até pequenos mamíferos. Mas qual a quantidade de biomassa necessária para as satisfazer?

Com a questão em mente, dois biólogos europeus decidiram calcular a massa total de presas consumidas anualmente pelos aracnídeos, sendo que mais de 90% das presas são insetos e da ordem das Collembola. Recorrendo dois métodos distintos de estimativa, os dois cientistas concluíram que as aranhas consomem entre 400 milhões a 800 milhões de toneladas de presas por anos.

Para ter um número com que se possa comparar este número, os seres humanos consomem anualmente cerca de 400 milhões de carne e peixe por ano. Mas levando as comparações de números a um extremo, o “Washington Post” decidiu comparar o valor consumido pelas aranhas com o peso de todos os seres humanos e chegou à conclusão que se nós fossemos as presas, os aracnídeos iriam passar fome. Os sete mil milhões de humanos do planeta pesam apenas cerca de 357 milhões de toneladas.

Para chegar a estes números, o estudo de Nyffler e Birkhofer estimou que a densidade global de aranhas é de 131 animais por metro quadrado, mas lembra que há registo de locais com mais de mil nessa mesma área, dependendo das condições. O mesmo texto do jornal norte-americano lembra que um estudo elaborado na Carolina do Norte estima que haja aranhas em 100% das casas daquela estado norte-americano.

 

Classifica este Vídeo!
1 2 3 4 5 6 7 8 9 10
  10 


Visualizações: 248  -  Data: 07.12.2017 11:43  -  Votação: 0.00
Palavras Chave:  


 

 

Autor:

Comentário:
Não existem comentários para este vídeo

 

Criação por João Fernandes - jpedrofernandes.com
Desenvolvimento de Portugal Na Web - portugalnaweb.com
Copyright video-divertido.com todos os direitos são reservados © Politica de privacidade - 2006-2017